.

.

.

.

Um povo, uma Pátria, uma Nação.
Cultura, coragem, força e tradição.
Uma música que traduz a linguagem da alma.
Por todo o mundo vivem portugueses, imigrantes, fadistas e músicos.
Bravos desbravadores, como os descobridores de outrora.
Lutando para difundir em terras estrangeiras, a mais bela canção.
Longe de sua pátria, mas com ela em seu coração.
A arte não tem fronteiras.
O Fado é do mundo, o mundo é do Fado.



Leve o Mundo Fado para seu site/blog!

Apesar de ainda estar em construção, já podem copiar e publicar.
As atualizações são automáticas em todos os players que estiverem publicados.
Basta clicar em Share e copiar o código.

Auto Play

Mundo%20Fado
Quantcast
Sem auto play

Mundo%20Fado
Quantcast

Nosso objetivo

Um sonho antigo... reunir todos os fadistas e músicos portugueses espalhados pelo mundo. Quem são eles? Quais suas histórias? A sua luta para sobreviver cantando Fado num país estrangeiro. Imigrantes que, além da saudade de seu país, enfrentam as dificuldades com o idioma. Viver de arte não é tarefa fácil, viver de Fado fora de Portugal menos ainda.
São heróis, corajosos, batalhadores, e acima de tudo, apaixonados por seu país, por sua cultura.
Pelo mundo afora eles estão. E aqui, humildemente, pedimos a colaboração das pessoas que amam esta canção da alma para apresentá-los ao público do mundo e de Portugal.
Espero que consigamos informações e material de todos, e que este projeto se concretize, sem deixar ninguém de fora por falta de informação.
É um projeto grande, muitas coisas devem ser informadas. Mas de alguma maneira tem que ser iniciado.
Por hora falaremos apenas de fadistas e músicos portugueses ativos. Depois, se isto funcionar, poderemos aprofundar mais e informar mais sobre a divulgação do fado nesses países, como por exemplo programas de rádio e Tv comandados por imigrantes para imigrantes. Há muito assunto. Precisamos é da ajuda do mundo. Será um projeto a várias mãos.
Não temos a pretensão de ser uma base de dados. Nosso intuito é apenas reunir de alguma maneira pessoas unidas pela saudade, pela arte e por essa canção que tanto fala sobre sentimento.
Precisamos muito da colaboração de todos e desde já a agradecemos e pedimos desculpas por qualquer falha.
E vamos começar nossa empreitada. Contamos com vocês.


ESCLARECIMENTO


O tema deste blog é a Imigração e o Fado, portanto trataremos aqui especialmente de artistas de Fado nascidos em Portugal e que vivem em outros países.
O Fado, como patrimônio da Humanidade, e como uma canção que é universal, é cantado mundo afora por centenas, senão milhares de artistas de diversas nacionalidades, e que também merecem todo o nosso respeito, gratidão e reconhecimento. No entanto, e felizmente, o número de artistas não portugueses que divulgam o Fado é tão imenso que no momento não nos seria possível falar de todos sem cometer injustiças.
Assim, nos ateremos ao tema a que o blog se propõe, a Imigração e o Fado, e fica aqui a idéia e o projeto de se criar um blog para falar desses nossos irmãos que nos ajudam a enriquecer e espalhar a cultura portuguesa no mundo todo.
A vocês o nosso respeito e gratidão.
----------------------------------------
“Heróis do mar, nobre Povo,
Nação valente e imortal,
Levantai hoje de novo o esplendor de Portugal!
Entre as brumas da memória, ó Pátria,
Sente-se a voz dos teus egrégios avós,
Que hão de guiar-te à vitória!..."

----------------------------------------
Grupos do Google
Participe do grupo Web Radio Portugal
E-mail:
Visitar este grupo

8 de set de 2009

6º Programa do Podcast - Adélia Pedrosa



2 comentários:

cazefe disse...

Adélia: como gostei do Podcast que te foi dedicado!!! Nunca imaginei que fosse a Claudinha que estivesse a fazer este maravilhoso e honesto trabalho.
Quero enviar-te um beijo e te desejar tudo de bom. Mas sei que tens tudo de bom, pois com uma filha assim (que conheci menina)nada te poderá faltar. Até já deves ter netos, não?
Beijos com muitas saudades, da sempre amiga:
Cecília Ferreira

cazefe disse...

Adélia: como fiquei feliz ao ouvir o maravilhoso Podcast que te foi dedicado! Mereces e merecias muito mais! Até me emocionei, sobretudo quando soube que quem dirigia este maravilhoso trabalho era a Claudinha (que conheci menina).
Espero que estejas bem. Um beijo cheio de saudades para ti e para a "menina"
Beijos

----------------------------------------